”Sua existência, é justificativa o suficiente, para a criação do meu mundo”